Polo interno de capacitação e apoio à EAD

 

 

Noticias

Polo EAD Unifesp promove evento que ensina programação a crianças da rede municipal em Scratch Day

Evento foi promovido por educadores e alunos do Curso Superior de Tecnologia em Design Educacional da Unifesp

Por: Luciano Gamez

Ensinar crianças da rede municipal a programar de forma lúdica e divertida. Esse foi o foco do primeiro Scratch Day promovido pelo Polo EAD da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), no dia 26 de maio.

Com a participação de educadores e alunos do Curso Superior de Tecnologia em Design Educacional (Tede) da Unifesp, o laboratório multimídia do Polo EAD Unifesp recebeu estudantes da oitava série do ensino fundamental para um dia de aprendizado tecnológico. O evento faz parte da décima edição do Scratch Day, acontecimento global que visa incentivar o desenvolvimento de projetos como um dos principais movimentos de educação aberta do mundo. 

A iniciativa ocorreu no âmbito das atividades de extensão do Tede (Curso Superior de Tecnologia Educacional), por incentivo da Profª Paula Carolei, coordenadora do curso, ao aluno Felipe Gonzalez:  me inspirei no scratch day, que é um movimento global onde a gente faz pequenas computer club house e leva alunos e pessoas interessadas em tecnologias a participar de iniciativas em educação aberta na plataforma scratch. Há um ano atrás eu entrei para a rede Brasileira de aprendizagem criativa, onde a gente trabalha algumas tecnologias em educação aberta aplicadas para a escola pública e com impacto social. Então, como eu sou um dos articuladores da rede, a gente achou interessante trazer essa iniciativa aqui para a universidade e fazer essa ponte com a escola pública e com a Secretaria Municipal de Educação de São Paulo.

Criado em 2007 pelo Lifelong Kindergaten, do MIT Media Lab, sob a liderança do professor Mitchel Resnick, Scratch é uma plataforma de educação aberta voltada à programação simples desenvolvida especialmente para crianças do ensino fundamental. Destina-se à criação e promoção de sequencias animadas para que os jovens aprendam a programar ao passo que desenvolvem jogos, animações e histórias interativas. Aprender programação em Scratch permite aos alunos e professores unirem a tecnologia a outras disciplinas escolares na montagem de projetos específicos, permitindo assim que as crianças interajam de forma criativa e interdisciplinar.

O uso da plataforma Scratch no contexto educacional de jovens tem crescido muito no Brasil, sobretudo por adeptos da Educação aberta e em rede. Essa característica facilitou o seu uso nas aulas de informática pela professora Maria Cláudia da Silva, da EMEF Raul de Leoni, na Zona norte da capital paulista. Para ela: o aprendizado da programação auxilia também nas aulas de matemática. A gente trabalha usando o plano cartesiano para mostrar o scracth. A gente tenta usar isso ao máximo nos projetos para desenvolver, para buscar ideias, criatividade.

Para o aluno Pablo Gustavo Almeida da Silva que participou do evento: é muito interessante aprender a programar o Scratch, pois além das aulas de informática e de matemática, ensina a gente também a mexer com robótica e isso é muito legal.

A característica interdisciplinar proporcionada pelo uso da ferramenta é reforçada pela professora de português Ana Maria Profili que acompanhou as crianças no evento: A utilização do scratch pode ser aplicada na construção de textos, de personagens, e inclusive nas aulas de gramática, pois os alunos aplicam os conhecimentos a uma prática de jogos trazendo os personagens que estão vendo nos textos. É notória a satisfação das crianças daquilo que eles estavam vivenciando na escola, e que hoje eles estão vivenciando em outro ambiente. Tem aluno alí que a gente percebe que tem uma dificuldade muito grande na prática do português, mas aqui ele estava numa facilidade para entender...os olhinhos brilhando. Esse aluno que tem a dificuldade estava ensinando o outro na realização dessa atividade, então deixou de ser abstrato, distante, e passou a ir para o concreto. É muito legal para eles, valeu a pena ter vindo.

Giovana Vieira, aluna da oitava série que também compareceu ao evento afirma que ter participado da oficina foi muito interessante: Aqui eu aprendi a programar jogos. Se eu quiser fazer um jogo do meu jeito eu posso fazer. Fazer um jogo pra mim, pra eu ficar jogando, e que vai ser a minha cara, é muito mais divertido.

Felipe Gonzalez, idealizador do evento e aluno do Tede conta com entusiasmo que promover o Scratch Day na Unifesp o fez sentir-se realizado. É muito bom ver a alegria, o brilho no olhar que elas demonstram toda vez que têm uma interação de tecnologia e elas fazem o ciclo de aprendizagem em cima de uma construção, vendo o resultado, sendo autoras do próprio contexto de aprendizagem. Ver essa alegria nelas, a interação, a colaboração, essa sinergia,  isso pra gente não tem preço. A interação entre os alunos fortalece principalmente as relações sociais. As vezes a tecnologia é aplicada na escola de uma forma errada, que não aproxima as pessoas. Mas a gente vê que em cima de projeto como esse, usando a tecnologia como uma forma de integrar as pessoas, eles conseguem uma boa sinergia para poder fazer esse trabalho. Isso é muito gratificante.

Ao final das oficinas os estudantes receberam o certificado de participação e posaram orgulhosos para as fotos.

20170526_151246.jpg 20170526_150652.jpg
20170526_145657.jpg IMG-20170526-WA0014.jpg
IMG-20170526-WA0016.jpg 20170526_170420.jpg

 

Polo de apoio a EaD da UNIFESP sedia encontro presencial do Curso de Especialização em Educação e Tecnologias da UFSCar

Ocorreu nos dias 28 e 29 de Janeiro, no Polo de Educação a Distância da Unifesp, coordenado pelo núcleo UAB/UNIFESP, o primeiro encontro presencial do curso de Especialização em Educação e Tecnologias promovido pelo Grupo Horizonte da UFSCAR  (Grupo de Estudos e Pesquisas sobre inovação em Educação, Tecnologias e Linguagens).

O curso, que teve seu início em 06/12/2016, é destinado a profissionais, graduados em qualquer área de atuação, interessados na melhor compreensão das particularidades da relação entre a Educação e as Tecnologias, seja na forma presencial ou a distância, possibilitando ao egresso a formação especializada em uma (ou mais) das seguintes habilitações:

  • Gestão da Educação a Distância
  • Docência na Educação a Distância
  • Mídias na Educação
  • Produção e Uso de Tecnologias para Educação
  • Projeto e Desenho Pedagógico (Design Instrucional)

 

Trata-se de um programa de formação destinado a promover a construção de conhecimentos envolvidos na incorporação de tecnologias diversas no contexto educacional, considerando a perspectiva da produção e/ou do uso das tecnologias e materiais didáticos, do ensino-aprendizagem, das linguagens midiáticas etc. A proposta busca atender a educadores) e demais profissionais graduados e/ou interessados na temática, seja na educação básica, superior, corporativa ou autônomos.

Clique aqui para saber mais sobre o curso.

 

Unifesp debate os desafios na promoção do desenvolvimento na primeira infância

Palestrantes nacionais e internacionais apresentaram suas experiências e resultados de trabalhos de apoio a crianças e seus familiares
 

Por Mariane Santos


Na última terça-feira (22/11), a Unifesp sediou o I Simpósio Internacional: Desafios na promoção do desenvolvimento na primeira infância, realizado pela Unidade de Psiquiatria da Infância e Adolescência (UPIA), do Departamento de Psiquiatria da Escola Paulista de Medicina (EPM), em parceria com a Universidade Aberta do Brasil (UAB), ambas da Unifesp, por meio do Polo EAD Unifesp. As questões da primeira infância foram apresentadas por especialistas nacionais e internacionais, dedicados à pesquisa e estudo do desenvolvimento infantil, que trouxeram suas experiências e resultados de trabalhos que promovem e incentivam políticas públicas e programas de apoio a crianças e seus familiares. 

O encontro iniciou com James Leckman, professor de Psiquiatria infantil, Psiquiatria, Psicologia e Pediatria na Yale School of Medicine (EUA). Pathways to Peace and Violence Prevention: The transformative power of children and families foi o tema que norteou sua apresentação.  Leckman retratou a exposição das crianças à violência como experiência traumática e as consequências até a idade adulta; o desenvolvimento da criança e a capacidade do cérebro (estrutura e função);  intervenções para reduzir as medidas de violência; bem-estar cognitivo, emocional e social; experiências adversas na infância como má-nutrição, negligência, abuso e outras formas de disfunção no lar que podem afetar negativamente a estrutura e a função do cérebro, sistemas hormonal e imunológico e até mesmo o DNA, entre tantos outros pontos. Ele ainda apresentou alguns programas com famílias e sua importância, que são desenvolvidos em todo o mundo que vão desde programas de visitas domiciliares que começam durante a gravidez até trabalhar com grupos de pais de crianças em idade pré-escolar. 

Leia mais...

I Simpósio Internacional - Desafios na promoção do desenvolvimento na primeira infância

!cid_15f70a0c-7306-1e6e-a561-b57b397f09ee@yahoo.gif

Unifesp inaugura Polo de EaD João Vicente Cegato Bertomeu

Espaço permite o desenvolvimento de atividades à distância e cursos de capacitação aos servidores

 

Foi celebrado, nesta segunda-feira (15), a inauguração do Polo de Educação à Distância (Ead) Unifesp João Vicente Cegato Bertomeu, localizado na Rua Borges Lagoa, 758. Constituído pela Reitoria, Secretaria de Educação à Distância e Coordenadoria da Universidade Aberta do Brasil da Unifesp, o local abriga salas com computadores, televisores e equipamentos de ponta, que permitem o desenvolvimento de diversas atividades de EaD, além de cursos de capacitação para servidores da instituição.

 

10421_ibw.JPG

 

Durante a cerimônia de inauguração, a coordenadora da Universidade Aberta do Brasil (UAB)/Unifesp, Izabel Meister, comentou sobre a importância do momento e de levar adianta as ações desenvolvidas nessa área. “O trabalho, na verdade, está só começando. O Polo de Educação à Distância traz o que chamo de ponto de convergência e a sua inauguração marca a ideia de que estamos e vamos continuar trazendo atividades de qualidade”.

Leia mais...

Eventos

16/09/2017 – ZL Vórtice - Seminário com Nelson Brissac

Palestrante convidado: Prof. Dr. Nelson Brissac Peixoto

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Setor de Pós-Graduação, Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Semiótica. 

Inscrições (encerradas): 

Rua Botucatu 862
Horário: 10hs – 12 h
Vagas limitadas

Tema: ZL Vórtice

Proporcionar espaço para reflexão sobre o laboratório de Intervenções Urbanas da Zona Leste de São Paulo, com objetivo de desenvolver habilidades de comunicação em Design Educacional para o desenvolvimento de projetos de intervenção social que analisem e relacionem aspectos da Educação a Distância aplicados à prática profissional do Designer Educacional.

04/09/2017 a 05/09/2017 – Encontro Regional de Coordenadores de Polo UAB da Região Sudeste

Palestrantes convidados: DED/CAPES

Diretoria de Educação a Distância da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior 

Inscrições (restrita): 

Auditório Marcos Lindenbergh
Rua Botucatu 862
Horário: 08h – 12 h; 14h – 18h
Vagas limitadas

Tema: Encontro Regional de Coordenadores de Polos do Sistema Universidade Aberta do Brasil: Região Sudeste

 

Contexto do Sistema UAB: ações conjuntas, mapeamento dos alunos, portabilidade e disciplinas em rede, evasão, gestão nos polos, fóruns estaduais e nacional de coordenadores de polos UAB, novos parâmetros no âmbito do Sistema UAB.

04/07/2017 – Palestra Internacional Design Especulativo e Earth Computing

Palestrante convidado: Prof PhD. Brett Stalbaum,

Universidade da Califórnia, San Diego (UCSD)

Inscrições (até 04/07/2017): Link

Rua Botucatu 862
Horário: 10h – 12 hs
Vagas limitadas

Tema: Curso de Design Especulativo

A palestra do Prof. Stalbaum apresentará as principais características e propostas do recém inaugurado curso de Design Especulativo da UCSD. Além da palestra sobre o curso, Stalbaum apresentará o projeto Earth Computing, que vem sendo desenvolvido em parceria com a Unifesp.

Proponente:  Núcleo da UAB/Unifesp

26/05/2017 – Scratch Day

Scratch Day

O evento faz parte da décima edição do Scratch Day, acontecimento global que visa incentivar o desenvolvimento de projetos como um dos principais movimentos de educação aberta do mundo. 

Inscrições: encerradas   

Rua Botucatu 862
Horário:09h-12h e 14h-18h
Vagas limitadas

Proponente: Núcleo da UAB/Unifesp

09/12/2016 - WIDE – UAB/UNIFESP

Workshop Imersivo de Design Educacional
Ciclo de eventos para discussão e reflexão sobre a profissão do Designer Educacional.

Tema: Design Educacional em contextos corporativos

 

Inscrição – clique aqui        

Rua Botucatu 862
Horário: 14 as 17h
Vagas limitadas

polo-ead-unifesp_marcaFINAL.png

APOIO 

 SEAD_Marca.png

 uab.png

 

PROJETOS INSTITUCIONAIS 

 

captaçãorhTEMP.jpg

b-comfor.jpg

escola.jpg

studio.jpg

fenaprevetemp.jpg

LIBRAS.jpg

mg.png

superatemp.jpg

logoTelessaude.jpg

b-una1.jpg

 

 

 

 

 

Sede Administrativa do Polo 
Endereço: Rua Borges Lagoa 758 – Vila Clementino

Tel: + 55 11 5576-4848 ramal/Voip 1370
E-mail: polo.ead@unifesp.br

Laboratório de Informática UAB Unifesp Daniel Sigulem

Endereço: Rua Botucatu 862 - Edifício Leal Prado.
 

Laboratório de Informática do Polo de Extensão
e Cultura da Zona Leste

EndereçoAvenida Jacu Pêssego 2630 - Itaquera